terça-feira, 10 de janeiro de 2017

Ano Velho - Carro NOVO!

Hello meu povo {♡}
Como foram esses dias festivos? Natal/Ano Novo? Espero que tenha sido muito bom para vocês. Já teve textão com reflexão do ano que passou e boas vidas ao ano que se inicia lá no nosso instagram and facebook. Então vamos ao que interessa, começar o ano falando de carro. 😍
E sim, ano velho - carro NOVO. É isso mesmo, não tá errado, e não iremos falar que você precisa trocar de carro, calma, só vem aqui comigo rapidinho.
É do conhecimento da grande maioria que o mundo automotivo é agitado no quesito lançamentos/novidades em tecnologia, design e afins. Mas o carro que é lançado, não é totalmente NOVO. Explicando de uma forma melhor, nem todo lançamento anual é tirado de um projeto do "0". Há carros que sofrem alterações apenas no design, outros ganham novas tecnologias, outros trocam o motor e isso vai depender de cada montadora e o objetivo do time de Engenharia ao fazer cada mudança. Mas existem carros que são realmente novos, digo, no conceito and nome. Até porque, muitas vezes esses carros mesmo com conceitos e nomes novos podem aproveitar alguns itens dos amigos da mesma montadora. E é sobre eles que iremos falar hoje, os carros NOVOS que 2016 nos apresentou e que serão vistos com mais frequência a partir desse ano. Lembrando que, foram só 4, pois só fiz a busca pelas montadoras "mais populares".
Pra começo de conversa vamos de FIAT? A montadora no ano passado apresentou dois modelos que entraram pra família.
O Fiat MOBI veio com um conceito e toda sua campanha foi voltada pra mobilidade urbana, ou seja, veio pra atender a necessidade de quem busca um carro mais compacto e faz uso dele diariamente dentro da cidade. Ele assume o posto de "carro de entrada" da FIAT agora. Além disso, traz uma novidade onde o central de multimídia do carro pode estar no seu celular. Importante, já que estamos entrando numa era onde tecnologia tem sido um item exigido pelos consumidores, principalmente pelos mais jovens. Ele vem equipado com motor Fire Evo Flex 1.0, de até 75 cv de potência (com etanol) e câmbio manual de 5 marchas. Por fim, ele é encontrado em seis versões que tem preços a partir de R$31.900 - R$43.800.

O outro que chegou para concorrer com o Oroch da Renault, lançado em 2015, se não me engano, foi o Toro, que nos foi apresentado bem no começo de 2016. Vem pra categoria picape média, na minha visão. A ideia deles ao desenvolver esse carro foi trazer o conforto e dirigibilidade de um SUV junto à robustez e força de uma picape. Além disso, como eu havia dito anteriormente, veio com algumas novidades na tecnologia que para mim é o "futuro" do mundo automotivo, é por meio dela que os carros vem ganhado uma funcionalidade que antes não existia, a Toro ganhou por exemplo o "Remote Start" que permite ligar o carro a partir de 50 m de distância, aproximadamente, também é acionado o ar condicionado. E para descobrimos o que está no interior desse "bicho" precisamos saber que ele encontra-se em 5 versões e nem todas possuem a mesma configuração. 
Então encontraremos a Toro com motor 1.8 16V Flex, câmbio automático de 6 marchas, 4 portas, 4x2; com motor 2.0 16V Diesel, câmbio manual, 4 portas, 4x2 e 4x4, por fim essa mesma última configuração mas com câmbio automático de 9 marchas. E o que todos querem saber sempre o preço né?! Eles variam de R$77.800 - R$118.480.


A FIAT nos trouxe esses dois, já a Hyundai veio com um novo SUV médio, ou compacto como eles chamam, o Creta. Ele vem misturando os universos off-road e urbano, dando ao piloto e passageiros bastante conforto, e também vem com "Sistema Stop & Go" de parada e partida automática é item de série em todas as configurações. Farol direcional, achei interessante isso. Bom por dentro desse carro você pode encontrar os motores  2.0 de 166cv ou 1.6 de 130cv. E seus preços variam entre R$72.990,00 e R$ 99.490,00.

Por último e não menos importante, a Renault, que inclusive me surpreendeu, trouxe dois lançamentos, eu não esperava. Teve um carro de entrada que é o Kwid, ele vai susbstituir o Clio. Uma das coisas que mais chama atenção é seu motor que é 0.8 de três cilindros com câmbio de 5 marchas, bom ele é carro de entrada e tem o objetivo de baixo consumo. Bem, não tenho muito o que falar é um carro básico sem muitas sofisticações/tecnologias.


Agora é a vez do Captur que chega para a categoria dos SUVs médios, é uma categoria que cada vez mais cai no gosto dos consumidores e a concorrência era "baixa", por conta disso cada vez mais as montadoras estão investindo nesse segmento. Sabemos que o Captur já teve uma pré-venda finalzinho do ano passado e que provavelmente estará chegando as concessionárias pelo começo desse ano. Vem com motor 2.0 16V de 138 CV,  tração 4x4 ou 4x2, e a versão 1.6 chegará depois. O seu preço está estimado em R$89-95mil na pré-venda. Vamos esperar chegar nas lojas para termos essa informação correta.



Bom meus amores por hoje é isso, espero que gostem, seja bem vindo 2017. Começar o ano com uma matéria é assim é maravilhoso, uma superação pra mim, depois conversamos melhor sobre isso ok?!
Espero que vocês tenham gostado.

Ahhh,só mais umas informações, eu tô ligada que o Toro ganhou o moto TigerShark 2.4 (e agora temos um zoo no carro hehe) e que o Koleos (da Renault) que apareceu em outro salão automotivo pelo mundo aii poderá vir pro Brasil. Vamos aguardar né?


Beijos,
Com amor,
Jenifer Rocha

quarta-feira, 21 de dezembro de 2016

Especial: Dia do Mecânico"(A)"

Hi povo, 
Ontem foi dia do mecânico e lógico que eu não poderia deixar de aproveitar esse dia e fazer um gancho mostrando a vocês as mulheres que mais me inspiram nesse ramo que é tão difícil ver mulheres atuando. Daí decidi fazer um post só com as mais poderosas que eu venho acompanhando o trabalho e admiro pra vida. Elas são minha inspiração diária, e são elas grandes culpadas por eu continuar e insistir tanto nos meus sonhos. Sério, não é nada fácil, tem horas que dá vontade de desistir, com essa crise então meus amigos, vocês não fazem ideia de quantas eu vezes eu pensei e repensei se eu estava realmente no caminho certo... E volto a dizer, essas mulheres são as pessoas que eu olho diariamente e me fazem acreditar que é possível. 
Pra começar, vou colocar essa bagaça aqui na ordem que eu fui achando as pessoas, eu acho que lembro hahaha.
Pra começar com elas que tem um programa super legal que passa/passava no Discovery Turbo chamado "All Girls Garage". Na verdade, eu conhecia uma das integrantes de um outro programa chamado Overhaulin', pense ela era a única mulher do grupo, na hora que vi isso fui a loucura, e daí eu pensei... "Nossa é possível sim, já tem gente abrindo caminho". O nome dela:  Jessi Combie

Resumindo a longa e inspiradora história dessa moça... Ela sempre foi envolvida com esportes por ter o sonho de ser piloto e tinha uma tendência para artes, e amava fazer tudo com as próprias mãos, trabalhava com metais, couro e fotografias. Ela estudou na WyoTech que é como se fosse uma escola para quem quer trabalhar com essa área automotiva, motores e afins. Se destacou, e foi contratada pela Escola pra construir um carro em 6 meses e apresentar no SEMA. Já sentiram o poder dela né?! Depois disso o pessoal da TV foi convidando ela pra participar de programas, e ela já deve ter feito uns 3, além de estar presente em "Feiras/Shows" do mundo automotivo e também é piloto,lógico.
Para saber mais sobre Jessi, jessicombs.com

A próxima inspiração é amiga de Jessi e também apresentava All Girls Garage. O nome dela é: Bogi 

Do programa ela era uma das minhas favoritas,ela e Jessi (porque eu tinha todo encanto que ela era do "Esquadrão A" de tio Foose). Mas eu sempre gostei muito de Bogi, e pasmem ela não é formada em Engenharia nem nada, inclusive ela foi parar nessa área por conta da insatisfação no atendimento que davam a ela numa loja de reparo. Daí na escola, ela se matriculou na loja de automóveis e começou a estudar bastante, e restaurou seu carro sozinha. Depois ela foi pra uma outra área, e acabou voltando e se formando no Universal Technical Institute e foi em busca de emprego na área automotiva. Ela foi percebendo o quanto era difícil trabalhar nessa área sendo mulher, e também acabou descobrindo o gosto de ensinar. Atualmente ela está a frente do 180 Degrees Automotive, onde além de oferecer serviços ela também ensina mulheres sobre mecânica básica.
Para saber mais sobre Bogi, bogisgarage.com

Chegando no Brasil, finalmente... Minha gente eu ralei pra achar mulher nessa área no Brasil, e eu procuro, na verdade sempre estou em busca de mais inspiração. E e sei que existem muitas, mas não conheço tantas, e uma das primeiras que virou inspiração. O nome dela é: Thais Roland

Gente, a história de Thais vai ser bem "por cima" porque com certeza depois vamos ter uma entrevista completa com ela (porque agora somos migas hahaha). Ela era de uma área totalmente diferente, apesar do ambiente ser também dominado por homens, e decidiu largar sua carreira e se tornar mecânica, hoje ela é restauradora de carros e entende muito sobre mecânica/carros. Ela também dá cursos na oficina onde trabalha, inclusive para homens. Thais é super inspiração e no dia que ela entrou em contato comigo eu surtei né gente!? E aguardem que vocês ainda vão ver a gente aprontar umas coisinhas juntas, se Deus quiser haha.
Para saber mais sobre Thais, você pode acompanhar esse Blog Coisa de Menino Nada 

E por último e não menos importante, uma que eu descobri ano passado MARAVILHOSA que me representa muito, e representa muito o "espírito #GraxaEBatom". E o nome dela é: Patrice Banks

Ela é muito eu, na verdade,um dia eu quero ser ela. Ela é Engenheira e técnica automotiva. Apesar disso, ela está naquela lista das mulheres que se revoltaram com atendimentos e como essa indústria se aproveita da ignorância das pessoas, principalmente das mulheres, daí ela criou seu próprio negócio para ajudar as mulheres. Vou deixar para vocês um trecho retirado do site:
"Patrice criou um modelo de negócios que apóia uma necessidade na vida de milhões de pessoas: serviços, produtos e recursos automotivos que atendem às mulheres com base na confiança, na educação, na inclusão e no empoderamento.
Girls Auto Clinic quer que as mulheres sejam motoristas confiantes e consumidores inteligentes."

Tá bom por hoje né?! Juro, que estou até mais feliz depois desse post. Estão uma das minhas favoritas, não esquecendo das amigas de profissão e da faculdade que me inspiram diariamente e que são meu suporte quando tudo está difícil.
Espero que vocês tenham gostado.
Beijos,
Com amor,
Jenifer Rocha





quinta-feira, 8 de dezembro de 2016

SDA 2016 e a Mulher no Mundo Automotivo

Oi mores, tudo bem por aí?!
Então, tem um tempo já que gostaria de trazer esse assunto, porém foram acontecendo 1001 coisas e eu fui deixando de lado, mas hoje preciso falar sobre isso... E lógico deixar uma polêmica no ar, e se você quiser deixar seu ponto de vista sobre o assunto é super válido, não sou a dona da razão e não é assunto técnico, então sempre bom ver o outro lado da moeda né não?! Até porque se todos nós pensássemos iguais que graça o mundo teria? 
Hoje, vamos falar um pouco da ação legal que a Vult cosmética em parceria com a Volkswagen fizeram no Salão do Automóvel 2016 e da mulher no mundo automotivo. 
Um detalhe, eu não fui para o SDA mas eu quero falar do assunto mesmo assim, uma amiga foi e me contou sobre...
Sem mais delongas vamos ao que interessa.


Bom, esse foi o espaço criado pelas marcas. De cara dá pra perceber como eles mesclaram de forma harmoniosa o mundo feminino e o automotivo (assim como minha logomarca hahaha), um ambiente agradável que mescla de forma natural esses dois mundos. Acredito pelo que vi nas redes sociais que a proposta deles foi falar do mundo automotivo fazendo comparações com o mundo feminino, inclusive esses dois mundos dá é pra fazer comparação viu... Digo isso pois sou dessas que para fixar assuntos vou assimilando a outros que entendo o conceito (hehehe). 
Achei essa iniciativa super interessante, aliás estava mais do que na hora de criarem algo assim. A gente sabe que o SDA é um espaço também para a mulher, e não só aquelas modelos lindas e maravilhosas que ficam ao lado dos carros. É um lugar frequentado por mulheres que levam filhos, que acompanham maridos/namorados, mulheres que vão porque amam carros 💗. Buscando informações na rede vi que uma das palestras foi sobre o que o visagismo, nem sabia o que era isso, mas dei aquela procurada básica no google e é basicamente você criar uma imagem pessoal que possa revelar suas qualidades internas. Ok, isso tem tudo a ver com carro né não?! O carro não vende só porque ele tem o motor x e os disco de freio y, é todo um conjunto, e a aparência importa sim, e não só para mulher, existem homens que também acham carros feios. Na verdade isso é algo normal do ser humano, um gosta mais tradicional, outros gostam modificados, uns não ligam muito pra estética e assim por diante.
Ok, legal, mas eu quero lembrar mesmo para vocês é que:
  1. Carro é sim coisa de mulher; 
  2. Mulher se interessa por carro, e por mais que seja a coisa mais rara do mundo, existem (e já te explico porque tem pouca mulher nesse mundo);
  3. Não é porque a mulher gosta de carro, ou qualquer coisa que é considerada "de homem", que ela não vai ser vaidosa, se arrumar e tudo mais.
Entenderam isso não é mesmo?! Perguntei porque acho que as pessoas tem dificuldades para entender que uma coisa não anula a outra... Também depois de um professor achar que o feminismo anula o lado feminino podemos desconfiar de tudo né não?! 
Então vamos lá. Vou explicar, pelo meu ponto de vista, porque há poucas mulheres nesse meio. Estímulo conhece? E criação de pai/mãe, conhece também? Gente, calma não quero dizer que eles são os culpados por tudo isso, até porque somos de gerações totalmente diferentes, eles não adivinhariam que o mundo não ia tolerar certas coisas que para eles eram consideradas normais (falo isso com o que vivo na minha família, lembrando). Mas sim nós crescemos com brinquedos de meninas/meninos. Vocês lembram de algum carro no brinquedo das meninas? Ahh, tinha sim o da Barbie, mas entre 10 meninas que eu convivi na infância só 1 possuía o carrinho rosa. Isso influencia e muito a tendência e o interesse que aquela criança/futuro adulto vai ter por determinados assuntos. Mas Jenifer porque você escolheu essa área se nunca foi estimulada? Sabe aquela pessoa inquieta que quer fugir do padrão e sempre teve uma tendência pra querer montar/desmontar coisas mesmo não sendo estimulada? Sou eu, e com o tempo fui me descobrindo sozinha, se dependesse de painho com certeza ele escolheria outra carreira pra mim. Aliás, até pouco tempo atrás ele perguntava se era isso mesmo que eu queria, até que ele viu que não tinha jeito. 
Ok, essa é minha história, as poucas outras que eu conheço é insatisfação com atendimentos em oficinas, e interesse por carros vindo de algum lugar mesmo não sendo estimulado... E vamos a um detalhe as famílias continuam resistentes, claro depois ok, elas aceitam, mas o começo de grande maioria das mulheres nessa área é cheio de lutas assim.
Ah, e trabalhar nessa área é complicado pra mulher né não!? É muito pesado, é trabalho braçal e blá blá blá... Rapaz, deixa eu te falar que existe uma coisa chamada tecnologia que cada dia traz mais equipamentos que possibilitam que o ser humano faça menos esforço. E existe outra coisa chamada inteligência que faz as pessoas criarem soluções para problemas. Tem coisas que é pesado, sim, tem sim e nessas horas você pede ajuda, o que é normal tanto pro homem quanto pra mulher. 


Meu ponto de vista é basicamente esse gente. Acredito que com o passar dos anos essa visão vá melhorando. É isso chagamos ao fim. Parabéns Vult e Volks que ganharam ponto na minha cartelinha de avaliação das empresas.
Gente o que vocês acham disso? Tem algo a acrescentar? Deixa seu comentário 😉

Beijos,
Com amor,
Jenifer Rocha

quarta-feira, 23 de novembro de 2016

#CarroDoDia

Oi meus amores, lembram que eu disse que teríamos novidades né?! Aliás,sempre espero trazer novidades e buscar formas de adaptar meus conteúdos ao público que ama isso aqui. Esse é um novo post que vai ser "fixo", a ideia do #CarroDoDia é apresentar a vocês um carro e uma tendência da moda que traduza a essência do carro, sacou?!
Para um ponta pé inicial pegamos um carro de um amigo, uma Caravan 89. Pegamos referências da moda da época e adaptamos pra um look que podemos usar hoje em dia. E o resultado do nosso "ensaio" foi esse aqui.



Vamos falar desse interior minha gente??? Esses bancos hiper-mega confortáveis, um carro com bastante espaço, naquela época a galera tinha era sorte. Ok, podemos dizer que andar de carro era mais divertido do que seguro, sabemos também que grande parte das melhorias aconteceram para reduzir custos nos processos e dar mais segurança aos passageiros, principalmente se falando de mudanças na parte interna do carro. Mas era muito gostoso ter coisas que não encontramos mais hoje. Tipo, esse banco é tão confortável como o sofá da sua casa.
Vamos continuar com mais foto, bastante foto....




Minha gente vocês sabia que um dos destaques desse carro era o porta-mala? Inclusive a propaganda do carro era feita em cima desse "adicional", acredito que era um diferencial dos outros carros da mesma marca... E sim, cabe é gente nesse porta-mala viu, imagine mala!!! hahahaha




E por fim e não menos importante, o dono do carro que não era nem nascido no ano desse carro, mas amor a antigos é isso mesmo. Só quem sente, sabe. Obrigada Lipe por deixar sua nega bem linda pra gente usar e abusar dela nas fotos. Valeu mesmo


Por hoje é isso, espero que vocês gostem, e aguarde que vocês ainda vão ver muitos posts desse tipo por aqui :D
Beijos,
Com amor,
Jenifer Rcoah

segunda-feira, 21 de novembro de 2016

Por dentro da Fórmula SAE

Oi meus amores, 
Quanto tempo né?! E olha só que massa o blog como está de casinha nova, de cara nova. E pra começar com o pé direito vou falar de uma coisa que me orgulha muito e que o amor só cresce... É o Fórmula SAE, na verdade vou falar da minha experiência em fazer o tão famoso "carrinho" (quem me conhece sabe que grande parte da minha vida, atualmente, se resume a esse projeto hehehe).
Pra começar e vocês entenderem melhor, a Fórmula SAE é uma competição entre as universidades do Brasil organizada pelo SAE Brasil. Nosso objetivo é construir um protótipo de carro dentro das especificações que são encontradas no regulamento, que é o nosso guia do que podemos ou não fazer em nossos carros. Entendido isso, vou mostrar a vocês parte da minha equipe 
Fiz questão de pegar a foto mais engraçada e que está todo mundo olhando para outro lugar,inclusive hahaha. Então, nessa foto a equipe está quase completa, com a presença também do nosso orientador (uhuuu \o/). Mas vocês devem estar se perguntando "Como é que trabalha esse monte de pessoas juntas??" Então vamos entender um pouco isso...
Não sei se vocês sabem, ou devem imaginar, que o carro é composto de vários sistemas e que cada sistema desse pode ser dividido em subsistemas, basicamente a gente trabalha nessa linha, cada equipe fica responsável por algum dos sistemas e quando um depende do outro vamos trocamos informações para que o carro fique alinhado e a gente não perca o trabalho de uma equipe, além disso, os softwares nos ajudam bastante a fazer ajustes antes de fabricarmos peças e montarmos o carro. Pronto. Entendido isso, vamos lá para vocês conhecerem a equipe que eu participo.
Aí está parte da equipe que faço parte, também conhecida como Equipe de Dinâmica Veicular e para os mais íntimos #EquipeMangaDeEixo hahaha, brincadeiras a parte, nossa equipe é responsável pelos sistemas de suspensão, freios e direção. Lembra do que eu falei antes sistemas e subsistemas... Dentro da equipe minha maior responsabilidade é com a Direção, junto com outro colega. Não é porque estou nessa equipe, mas é um dos sistemas mais desafiadores para você projetar, planejar e alinhar como as coisas vão ser, é um verdadeiro quebra-cabeça, até porque já de cara você precisa entender as geometrias, angulações e um milhão de detalhes que são milimetricamente calculados, para a partir disso você entender como fazer cada coisa. É uma equipe que tem muita responsabilidade e que pode salvar ou levar todo projeto água abaixo. Existem outras equipes que tem também essas responsabilidades, lógico, cada equipe é importante, até porque se não fosse não existiria. Enfim, pra mim esse foi e está sendo até hoje um desafio muito grande, até pra compreender e conseguir passar tudo isso para a prática. A prática inclusiva foi o que me ajudou a visualizar melhor tudo que eu já tinha estudado antes de "meter mão", como a gente diz por aqui.
Resumidamente é isso, não entrarei em detalhes do projeto, mas não fica triste porque pretendo explicar a vocês tim tim por tim tim do nosso trabalho, não fiz isso logo porque eu precisava viver e entender muitas coisas, na verdade ainda preciso estudar muito, principalmente para passar "conhecimento técnico" para vocês,mas vai rolar sim, se acalmem. Queria que vocês entendessem assim por cima, porque eu vou pra competição lá em SP e vai rolar VLOG com tudinho.  Mas antes de finalizar queria apresentar para vocês as pessoas que têm me inspirado demais e que estão dispostas a "mudar o mundo" (quem é do SENAI vai entender hahaha)
Essas mocinhas, minhas #GRLPWR do momento. Logo quando comecei a observar a equipe fiquei mega feliz por saber que existiam mulheres nisso, inclusive em cargos de liderança, me empolguei muito, e depois que entrei descobri uma mina de mulheres super competentes que amam desafios e que se esforçam ao máximo para aprender e se destacar no meio dessa multidão de "testosterona", elas são minha inspiração e força diária e com o tempo acabei descobrindo que todas compartilhamos os mesmos sentimentos por esse projeto e queremos "sugar" o máximo e poder passar o máximo de conhecimento. Fico muito feliz e honrada por ter conhecido e fazer parte desse time com vocês.
Acho que por hoje é isso, depois de falar sobre as girls.
Ficou com alguma dúvida? Manda um cometário, ou entra em contato com a gente através do e-mail ou pelas redes sociais.
Espero que tenham gostado.
Beijos,
Com amor,
Jenifer Rocha




Blog Graxa e Batom - Todos os Direitos Reservados (C)

Base BL | Design by Colorize